Faça uma doação à cultura e entre para o nosso time.

Fundação Jupará de Cultura e Ecologia

Tematizando um aeroporto

A idéia é arrojada, inédita no mundo, não muito fácil de implantar. Mas é irresistível e importante para fomentar a união da cultura com o turismo regional.

Ela surgiu em uma conversa entre o presidente da FunJup, Marcel Leal, e o empresário Afonso Maria Zeni, da loja Costa do Cacau, que fica instalada no aeroporto Jorge Amado, em Ilhéus.

A princípio a proposta parecia impossível de se concretizar. A Infraero nunca iria permitir que me mexesse no padrão visual de um aeroporto, pensávamos.

Mas ela aceitou. E nasceu o projeto de tematização do aeroporto Jorge Amado, levando para a porta de entrada de Ilhéus toda a cultura regional imortalizada nos romances do escritor.

Cada metro do aeroporto será tematizado, respeitando-se os padrões aéreos que não podem ser mudados, com personagens, imagens, locais, histórias contadas por Jorge Amado.

Estarão por lá a Gabriela, o Nassib, o jagunço, o coronel, as fazendas de cacau, o barcaceiro, o tropeiro, enfim, o universo jorgeamadiano.

Do momento em que olhar pela janela do avião até deixar as dependências do aeroporto o visitante estará imerso numa cultura rica e cativante.

Nos consulte sobre como patrocinar e ligar o nome de sua empresa a esta história de sucesso enviando email para fundacao@jupara.com

 

Notas

Este é um projeto que não poderia existir sem a visão cultural da Infraero, empresa que teve sensibilidade para aceitar esta união de cultura e viagem.

Não é um projeto isolado da FunJup. Ela contará com o apoio da Ilheustur, Citur, prefeitura de Ilhéus e Fundaci. E convidará a Fundação Casa de Jorge Amado para a parceria.

O projeto de design está entregue ao arquiteto Ruy Cores, reconhecido em todo o Brasil como um dos melhores de sua área.

Paralelo ao projeto de tematização, haverá uma grande ofensiva de midia e relações públicas para divulgar o aeroporto após completado.

Porta de entrada da Costa do Cacau, o aeroporto Jorge Amado levará boa parte de nossa cultura ao encontro do turista, ampliando o alcance já conquistado por livros e filmes.